pt | en

 

Atendendo ao caráter prioritário da promoção do emprego jovem e à necessidade de facilitar a transição dos jovens do sistema de ensino para o mercado de trabalho, a TESE iniciou em março de 2013 o "Faz-Te ao Mercado: Estudo sobre o Desencontro entre a Procura e a Oferta de Competências no Mercado de Trabalho e a sua Relação com a Empregabilidade Jovem".

Logo no ano de lançamento do estudo, avançou-se com o estabelecimento de parcerias estratégicas para a implementação e divulgação do mesmo, realizaram-se seis grupos de discussão (em Faro, Lisboa e Porto), levaram-se a cabo entrevistas semidiretivas a jovens (com menos de 30 anos, residentes em Portugal Continental, com um nível de ensino concluído, em situação de desemprego ou à procura de primeiro emprego), responsáveis de recursos humanos, instituições de ensino/formação e outros stakeholders ao nível da empregabilidade jovem, elaboraram-se questionários online (quatro versões: jovens, responsáveis de recursos humanos, instituições de ensino/ formação e setor social) e, finalmente, deu-se início à análise dos dados qualitativos.

O evento de 30 de Setembro último, para apresentação das conclusões do "Faz-Te ao Mercado", correspondeu ao culminar do trabalho de mais de um ano, com vista a produzir-se inovação social numa área prioritária da TESE: a empregabilidade jovem. Foi um dia rico em atividades dirigidas a jovens, técnicos de organizações de apoio à empregabilidade e a empresas, os agentes visados pela TESE na investigação que pretende contribuir para a identificação de estratégias de correspondência entre a esfera da oferta e a da procura de emprego jovem em Portugal.

Conheça em www.fazteaomercado.org o Relatório Técnico do estudo, bem como todos os principais "produtos" decorrentes desta investigação: o documento "Linhas Orientadoras para o Aumento da Empregabilidade Jovem" (vocacionado para instituições de ensino e entidades empregadoras) e o guia para jovens "Tens as Competências que os Empregadores Procuram?".